Pai mata filho com facada na barriga por tentar proteger a mãe em Teresina-PI.



Um crime bárbaro chocou a população do Povoado Fazenda Soares, na Zona Rural deTeresina. Por volta das 23h desse domingo (14), o adolescente Rafael Borges da Silva, 17 anos, foi morto com uma facada na barriga ao tentar defender sua mãe das agressões do pai, Antonio Carlos de Oliveira, 58 anos. Duas irmãs de 4 e 10 anos, assistiram toda a cena de horror.

Cristiana Sousa Silva, irmã de Rafael, conta que o irmão era estudioso e não bebia (Foto: Catarina Costa/G1)

De acordo com a irmã da vítima, Cristiana Sousa Silva, sempre que o pai bebia chegava em casa ameaçando a todos e que a sua mãe sempre foi o alvo das agressões. “O Rafael foi defender a mãe e meu pai o acertou com o facão na barriga”, contou.

O irmão mais velho de Rafael Borges, Emerson Borges da Silva, 19 anos, ainda tentou defender o irmão, mas acabou sendo atingido nos braços e nas pernas pelo facão e foi levado para um hospital público da região.
Rafael Borges da Silva, 17 anos, foi morto pelo pai quando defendia a mãe (Foto: Catarina Costa/G1)
Rafael Borges da Silva, 17 anos, foi morto pelo
pai quando defendia a mãe
(Foto: Catarina Costa/G1)

“Nossa família está revoltada com tudo que aconteceu aqui. O Rafael era um menino muito bom, estudioso, nunca bebeu e nem usou drogas. Depois que ele atingiu o Rafael ainda ameaçou voltar para matar os outros”, disse a irmã da vítima.

A mãe, Lucineide Borges da Silva, foi ao Instituto Médico Legal (IML) acompanhar a liberação do corpo do filho.

De acordo com a polícia, o pai da vítima trabalha como vendedor de plantas na Avenida Presidente Kenedy, Zona Leste de Teresina. A casa em que a família mora fica em um povoado na estrada que liga Teresina à cidade de União.
Irmãs de 4 e 10 anos presenciaram pai assassinar Rafael Borges (Foto: Catarina Costa/G1)
Irmãs de 4 e 10 anos presenciaram pai assassinar Rafael Borges (Foto: Catarina Costa/G1)

Durante toda a manhã dessa segunda-feira (15) os policiais fizeram buscas na região na tentativa de prender o suspeito, mas até a publicação da reportagem ainda não havia informações sobre o paradeiro de Antonio Carlos. Os policiais chegaram a identificar algumas pegadas pela mata.

“Como ele é conhecedor dessa área isso pode ter facilitado a sua fuga”, disse o sargento da Polícia Militar, Celso Luís.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s