Duas mulheres são esfaqueadas pelos maridos em Esperança e CG; uma morreu

faca_sangue_grande-300x224.jpg

A violência contra a mulher na Paraíba continua aumentando. Uma mulher foi executada pelo marido e outra sofreu tentativa de homicídio. Os crimes ocorreram na tarde da quinta-feira (6), nas cidades de Esperança e Campina Grande.
De acordo com a delegacia de Esperança, um homem matou a golpes de faca a esposa dentro de casa. Segundo informações da polícia, o acusado estava com problemas depressivos e tentou assassinar algumas pessoas. Ele comentou com amigos que a mulher estava o traindo e iria se vinga.

Ela foi atingida com golpes de faca peixeira no pescoço e peito. A mulher ainda foi socorrida para o hospital da cidade, mas morreu. O corpo da vítima está na unidade hospitalar, onde familiares e muitos amigos estão consternados com o crime.
Já em Campina Grande, uma das gerentes da empresa Coteminas foi esfaqueada pelo marido. De acordo com a Polícia Militar, Ozelânia Gomes da Silva Santos, de 32 anos, foi atingida com três golpes nas costas.
O responsável pelo crime foi identificado como Antônio Marcos, que está foragido. Ozelânia Gomes foi socorrida para o Hospital de Traumas, onde permanece internada em estado regular.

Hyldo Pereira e Pollyana Sorrentino
Do Portal Corrio

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Marido flagra mulher tendo relações sexuais com padre dentro da Igreja

20111006141844.jpg

Um vídeo provocou indignação da comunidade católica no Peru a notícia de que um padre foi pego fazendo sexo com uma funcionária da Igreja Medalha Milagrosa Parish Trujillo.
De acordo com imagens divulgadas, foi o marido da mulher quem fez a filmagem, ele primeiro passou pelo templo e depois veio para o quarto dos religiosos.
Os protagonistas são o padre José Antonio Solano Bohuytron e Sra. Amaya Teodolinda Altamirano.

´Só queria encontrar´, disse o marido muito sereno.
O padre respondeu: ´Esta é uma armadilha.´Tu vem enganando dizendo que estava realizando a limpeza da Igreja´ o marido grita com sua esposa.

O padre insistiu: ´Eu reconheço que é minha culpa, mas é uma armadilha que eu caí´.
Ela se defendeu dizendo que era forçada a ter relações sexuais com o padre.
O pior de tudo é que a mulher que está grávida de quatro meses e agora afirma que o padre é o pai, a igreja não tomou nenhuma atitude sobre o assunto e até mesmo Bohuytron Solano ainda continua a celebrar missa. Depois de 15 anos trabalhando na paróquia, ela foi demitida.

Notícias RN

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

´O mundo está viadinho demais´, diz Alexandre Frota sobre críticas

024-1.jpg

Alexandre Frota volta à cena. O ator e diretor estreia monólogo que revela histórias polêmicas de diversos famosos, sem medo de chocar.

"O país se diz liberal, mas é superpreconceituoso. O mundo está ´viadinho´ demais. Qualquer coisa as pessoas ficam magoadas e se aproveitam de situações para criar oportunidades e se dar bem", afirma em entrevista ao Guia.

"Esse é o Brasil dos escândalos que acabam em pizza, do Ricardo Teixeira, mensalão. Todo mundo mata e paga fiança ou some. Os acidentes estão aí e os culpados impunes na maioria dos casos", complementa o ator.

Com cerca de 1h30 de duração, o espetáculo "Identidade Frota" estreia em 24 de outubro, no Bar Cardozo (zona oeste de São Paulo), e traz para o público uma mistura de humor, ousadia, interatividade e fatos reais. "O público poderá escolher histórias que quer ouvir de minha boca. Não haverá ensaio. Apenas um roteiro a seguir".

Entre as opções de causos estão: "Eu, Jô e Cláudia", "O dia em que o lobo quis me comer", "Eu e Xuxa no Chuveiro", "Garota de programa? Quase casei com uma", "Quase virei pastor", "65 dias com a ex do Romário", "A verdade sobre a imperatriz", Fumei com Raul", "Cheirei com Cazuza", "Eu, Renato Gaúcho e as festinhas".

Frota é muito criticado por sua postura e sente o preconceito de diversos segmentos. "Só porque fiz pornô. E daí?! Também fiz Globo, mas ninguém quer lembrar dos meus 12 anos na emissora, com inúmeras novelas, especiais e minisséries", desabafa. Atualmente, ele é diretor de projetos especiais no SBT.

024-2.jpg

Fonte: Folha

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Deputado denuncia espancamento de crinças na Paraíba

20111006141451_03.jpg

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) denunciou hoje (6), no plenário da Assembléia Legislativa, que em alguns municípios da Paraíba, entidades que se identificam como acolhedoras de adolescentes estão utilizando castigo e aprisionamentos como forma de disciplina.

Segundo o deputado, em Pindobal, Distrito de Mamanguape, adolescentes relatam que são surrados com pedaços de madeira e trancados em celas – chamadas “cantinho de reflexão, como punição. “Estes jovens chegam a ficarem até dois dias nas celas. Podendo permanecer até mais tempo, caso não mudem de comportamento, segundo as denúncias enviadas ao parlamentar através de carta-denúncia do Fórum Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

“Apesar de tudo isso, segundo o Fórum, alguns municípios estão se articulando para fechar convênio com esta instituição de abrigo, o que é um absurdo”, disse o parlamentar.

Frei Anastácio destacou que “as denuncias são graves e atentam contra a dignidade de crianças, que já estão em situação de vulnerabilidade social, mas que, ao invés de receberem a proteção do Estado, são maltratadas por este tipo de estabelecimento que se diz protetor”, denuncia.

Crianças trabalhando em Sapé

O petista disse ainda que as denúncias apontam para a exploração de crianças no município de Sapé. “O documento diz que, há dez meses, crianças de onze anos estão trabalhando em restaurantes da cidade. E o pior, é que todos têm conhecimento”, disse o parlamentar.

Cruz do Espírito Santo abusa na educação

Já em Cruz do Espírito Santo, de acordo com a Carta Denúncia, uma escola de Ensino Fundamental, convocou as mães e pediu que assinassem um termo de responsabilidade autorizando os filhos, de apenas oito anos, a estudarem no turno da noite. “O resultado disse é que, as crianças, que têm o hábito de dormir cedo, estão cochilando durante as aulas. Outro absurdo”, disse o deputado.

O deputado acrescentou que o Conselho relata na carta que mães foram orientadas a não denunciarem o fato. Então, por medo de represálias e de que coloquem os filhos em ambientes sujos e inseguros, estas mães são obrigadas a ficar em silêncio.

Providências

“Diante de todas as denúncias, na condição de Presidente da Frente Parlamentar da Criança e do Adolescente, deste Poder, já encaminhei estas denúncias aos órgãos e instituições competentes para que tomem as devidas providências. isso que está acontecendo na Paraíba é muito grave e deve ser apurado com urgência”, concluiu.

pbacontece

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Vídeo mostra supostos policiais sendo fuzilados dentro de viatura

06-10-2011.174329_tiros_viatura.jpg

Como reagir a um ataque que não lhe dá nenhuma chance de defesa?

O You Tube sempre contém vídeos que, à primeira vista, deixam suspeitas sobre sua veracidade. Porém, uma guarnição policial ser fuzilada neste país é algo absolutamente possível. Quantos casos não já ocorreram?

No vídeo que postamos abaixo, os supostos policiais são surpreendidos enquanto faziam rondas numa área de risco. Uma ação covarde e sem nenhuma chance de defesa.

Triste. Temeroso. Lamentável.

ParaibaemQAP

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Greve dos bancários prejudica venda de brinquedos na PB, dizem lojistas

thumb.JPG

Entidades que representam os lojistas de João Pessoa e de Campina Grande já calculam uma redução nas vendas de brinquedos para o Dia das Crianças neste ano. O prejuízo, segundo eles, seria causado pela greve dos bancários, iniciada há oito dias. A queda no faturamento do comércio em geral pode chegar a 20% em relação ao ano passado, de acordo com as projeções do presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Campina Grande, Tito Motta.

Segundo ele, o movimento de consumidores reduziu ‘substancialmente’ tanto no Centro da cidade quanto nos shoppings. "Estimamos perdas em torno de 15% nas lojas que vendem produtos infantis e de 20% no comércio de maneira geral”, revelou.

Para o presidente da Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas da Paraíba (FCDL-PB), José Artur Almeida, a greve está interferindo negativamente no comércio. "Sem saber quanto tempo vai durar a greve e com dificuldades até mesmo para fazer depósitos e pagar contas, as pessoas estão evitando comprar”, comentou.

FONTE: G1
images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Menina filipina sai do “túmulo” após ser enterrada viva

20111006091825_03.jpg

Menina de 10 anos foi atacada pelo primo que a estuprou

Uma menina de dez anos saiu do túmulo e denunciou um primo que a estuprou, agrediu e enterrou viva no sul das Filipinas, informou a polícia local nesta nesta quinta-feira (6).

O inspetor Roberto Ocumen, chefe da polícia de Magpet, disse à imprensa local que a menina relatou que seu primo Dennis Quilatonde, de 21 anos, a violou, bateu em sua cabeça com um objeto e enterrou no último domingo (2) na cidade localizada ao sul do país.

A menor, que recuperou os sentidos quando já estava enterrada, conseguiu voltar à superfície e retornou para casa com a ajuda de vários vizinhos, antes de denunciar seu primo.

O suspeito foi detido já na segunda-feira (3) e permanece sob custódia policial.

G1 com agência EFE

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Candidatos do Enem 2011 reclamam de lentidão na página do Inep para imprimir o cartão de confirmação

1305815375826-enem-edital.jpg

Alguns estudantes que farão o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2011 encontraram dificuldades para imprimir o cartão de confirmação, com a indicação dos locais de provas, disponíveis desde segunda-feira no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Pereira (Inep). Ontem, o grande número de acessos congestionou a página, irritando os candidatos que farão as provas no Rio.

Quem tentou acessar o link "locais de prova", usando a senha de acesso e o CPF, foi surpreendido com a mensagem "dados inválidos". A estudante Letícia Von Rondon Silva, de 17 anos, aluna do colégio Notre Dame no Recreio dos Bandeirantes, conseguiu abrir o link, mas, há dois dias, teve dificuldades para entrar na página do Inep:

Deixei para imprimir o cartão de confirmação terça-feira, mas não consegui mais entrar no site. Isso me deixou muito preocupada.

A candidata Paula Marchesini Silva, de 17 anos, também teve problemas:

– Liguei várias vezes para a central do Inep, não consegui incluir no meu cadastro o nome do colégio. Agora, não consigo ver o meu cartão de confirmação.

O Inep confirmou que houve congestionamento no acesso ao site, mas informou que os candidatos podem ligar para 0800-616161.

O Globo

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Policia invade casas em Monteiro em busca de Mizael Bispo

mizaell.jpg

Mizael Bispo está foragido desde 2010

Lembram do foragido Mizael Bispo, principal suspeito de matar a advogada Mércia Nakashima em 23 de maio de 2010, em São Paulo? Na madrugada desta quarta-feira (05) a Polícia Civil de Monteiro invadiu várias casas de supostos parentes do acusado, que também tem o sobrenome de Bispo, em Monteiro, a sua procura, porém, o alarme era falso e a família não tinha nada haver com o Mizael Bispo.

Tudo começou quando surgiram informações de que Mizael Bispo estaria circulando pelas ruas de Monteiro em um automóvel e que teria sido visto entrando em residências da família Bispo em Monteiro. Através destas informações, a Polícia decidiu invadir as casas a procura do acusado.

Image

"Foi um ato irresponsável, não temos parentesco nenhum com ele", diz Dejinha (Foto Asley Ravel)

Ente os integrantes da família Bispo em Monteiro, está o cantor Dejinha de Monteiro, que manteve contato com o Cariri Ligado na manhã desta quinta-feira (06), e demonstrou sua revolta com a atitude das autoridades que invadiram as casas. “Invadiram até a casa de meu tio Zezinho, que tem 94 anos de idade e possui problemas de saúde. Estamos indignados, pois nossa família é do bem”, desabafou.

O cantor Dejinha afirmou ainda que vai pessoalmente procurar o governador Ricardo Coutinho para que uma alguma atitude seja tomada devido a ação da Polícia. “Não tem condições, poderiam ao menos ter checado se realmente esse bandido tem parentesco conosco. Se este criminoso realmente estivesse aqui, eu iria pessoalmente denunciar ele a Polícia”, disse o cantor.

Image
Mércia Mikie Nakashima quando foi encontrada morta em SP

As casas invadidas pela Polícia pertencem à José Batista de Paiva (70 anos), de dona Maria Bispo de Paiva (70 anos), seu José Siqueira Paz (94 anos) e Oliveira Batista (78 anos) e ainda a casa de Walmor e sua esposa que fica ao lado da casa que era o alvo da operação, todas localizadas no bairro Alto da Bela Vista.

O caso
A advogada Mércia Mikie Nakashima desapareceu em maio de 2010 em Guarulhos, na Grande São Paulo. Seu corpo foi encontrado 19 dias depois em uma represa de Nazaré Paulista. Segundo o laudo do IML (Instituto Médico Local) Mércia morreu afogada, mas antes foi ferida por tiro no braço esquerdo, na mão direita e no maxilar. Também foi atingida no rosto por outro objeto não identificado. O ex-namorado de Mércia Mizael Bispo de Souza, advogado e policial militar reformado, e o vigia Evandro Bezerra da Silva são os principais suspeitos do crime. Os dois dizem ser inocentes e estão foragidos.

Cariri Ligado

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Mulher bate carro na Coletoria de Monteiro e derruba muro

batidafisco.jpg

Uma professora perdeu o controle de seu veículo, um carro preto do tipo Prisma, e derrubou na manhã desta quinta-feira (06) o muro da Coletoria de Monteiro, localizada no Centro da cidade, ao lado do Banco do Brasil. De acordo com informações, quem estava dirigindo o carro era Rubenita Berto, que sofreu apenas escoriações leves. O funcionário do posto fiscal, Chola Morato, escapou fedendo de ser atingido pelo veículo. Apesar da greve do Fisco, Chola estava na calçada e o carro passou um fino nele, que pulou feito um grilo e escapou.

Image

Cariri Ligado

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Homem é preso por praticar atos obscenos para meninas no Sertão

images.jpg

Um homem, conhecido como ‘Boca de litro’ está sendo procurado pela polícia acusado de praticar atos obscenos para menores de idade, na cidade de Sousa, no sertão do Estado.

De acordo com o site Diário do Sertão, a Polícia Militar recebeu uma denúncia anônima na tarde desta quarta-feira (5) informando que o acusado estava mostrando o órgão genital e fazendo gestos obscenos a meninas que passavam pela rua, no bairro Mutirão.

A Polícia Militar ainda fez diligências a procura do acusado, mas ele conseguiu fugir.

Portal Correio

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Grávida tem a perna queimada durante o parto em hospital

20111006145456.jpg

A estudante Gilmara Divina Medeiros Santana, de 24 anos, levou um susto pouco tempo após ser submetida a uma cesariana para dar à luz ao primeiro filho, em Cuiabá.

Depois do parto, quando o efeito da anestesia passou, Gilmara sentiu dores na perna esquerda. Só então ela percebeu que havia sofrido queimaduras na parte de trás da coxa.
A direção do Hospital Geral Universitário (HGU) informou que vai investigar o caso.

A cirurgia foi realizada no Hospital Geral Universitário, no dia 30 de setembro.
No momento do parto, consciente e deitada sobre a cama da sala de cirurgia, a jovem conta que acompanhou o trabalho de médicos que realizavam o procedimento. Mas foi só o efeito da anestesia passar para que a jovem percebesse que algo estava errado.

As dores na perna de trás da coxa esquerda chamaram a atenção da paciente e de outras pessoas que também estavam no quarto onde a mãe se recuperava: eram queimaduras que, segundo a vítima, foram provocadas durante o procedimento médico.

A jovem conta que não recebeu informações no hospital sobre o que teria provocado os ferimentos. Tanto a estudante, quanto a mãe dela, Marilúcia Medeiros Alves, afirmam que deixaram a unidade hospitalar sem respostas.

´Minha filha sentiu muita dor e uma mulher [do quarto] falou que ela estava com a perna queimada. Tentei achar a médica, mas ninguém me informou. Foi errado não terem dado assistência. Só entregaram uma pomada e um líquido para ela passar´, disse Marilúcia, em entrevista ao G1.

A dona de casa cobra uma explicação. ´Em uma sala de cirurgia, como pode acontecer uma queimadura? Porque, daqui a pouco, vão entrar para ter um filho e vão sair de lá sem uma perna´, reclamou a mãe da jovem. Para a mãe da jovem, o caso deve ser apurado. ´Errar é humano, mas queremos uma explicação´, completou Marilúcia.

Nesta quarta-feira (05), a família procurou o Conselho Regional de Medicina (CRM) na capital. A família protocolou uma reclamação e pediu que Conselho acompanhe o caso.
A presidente da entidade, Dalva Alves das Neves, disse que em casos em que denúncias são comunicadas, cabe ao Conselho averiguar. Ela frisou que o CRM deve verificar se houve erro ou negligência no procedimento médico.

HGU
Nesta quinta-feira (06), a direção do Hospital Geral Universitário informou que profissionais do corpo técnico e clínico do hospital vão analisar o prontuário da paciente. ´No primeiro momento vamos avaliar o fato para saber que medidas serão tomadas´, explicou Meire Oliveira, superintendente do HGU.

G1

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Senador Lindberg Farias quer instalação de montadora de carros na Paraíba

20111006133734_03.jpg

A decisão do Governo Federal de aumentar o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos veículos importados pode beneficiar a Paraíba. É que o senador Lindbergh Farias (PT) vai lutar pela instalação de montadoras no Rio de Janeiro, Estado onde foi eleito, e também no território paraibano, de onde o parlamentar é natural.

No mês passado, o governo anunciou o aumento de 30 pontos percentuais no IPI de carros importados ao Brasil de fora do Mercosul. O decreto 7.567 foi publicado no Diário Oficial da União em 16 de setembro e tem por objetivo proteger a indústria automobilística nacional.

A decisão beneficia apenas a Fiat, Volkswagen, General Motors e Ford, que possuem fábricas no Brasil e/ou Argentina. Além das marcas chinesas, novatas e baratas, como JAC Motors e Chery, são atingidas marcas tradicionais e caras, como Audi e BMW.

Por isso, as importadoras devem se interessar pela instalação no país e o senador paraibano aproveitará a oportunidade para beneficiar sua terra natal. “Além de melhorar a competitividade do produto brasileiro, a medida vai estimular a produção dentro do Brasil, gerando emprego para a população nacional, que vem aumentado significativamente o consumo de veículos”, argumenta Lindbergh.

Até o final de agosto, segundo Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva), foram emplacados quase 130 mil veículos importados ao Brasil de fora do Mercosul, automóveis que, segundo o senador, poderiam estar sendo produzidos dentro do país.

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Relatório da ONU mostra que o Brasil é o país onde mais se mata no mundo

onu_aborto.jpg

É a primeira vez que a ONU faz um estudo sobre homicídio em todo o mundo. O relatório é baseado em números oficiais de cada país. No Brasil, os números são do Ministério da Justiça.

Em números absolutos, somos os campeões mundiais de homicídios. Foram 43.909 em 2009, mais do que na China, na Índia e nos Estados Unidos, países com populações maiores. No rankig de homicídios a cada cem mil habitantes, o Brasil aparece em 24º lugar.

O relatório mostra um mapa dos homicídios no Brasil. O estado mais violento é Alagoas, o único com mais de 60 mortes por 100 mil habitantes.

A ONU aponta São Paulo como exemplo do efeito de esforços concentrados na prevenção e na repressão desse tipo de crime. As leis e as campanhas de desarmamento tiveram bom resultado e um terço das armas recolhidas saiu das ruas paulistas.

Contribuíram também a redução do desemprego e o aumento da idade média da população. No mundo inteiro, os jovens são os que mais matam e morrem.

A maior atuação das prefeituras na segurança pública foi fundamental. "A prefeitura que sabe o que está acontecendo, a prefeitura que conhece as áreas de riscos, ela investe nisso. Criaram programas sociais para prevenção de homicídio, programas de iluminação em áreas perigosas", diz Guaracy Mingardi, pesquisador direito FGV.

Tudo isso aconteceu ao mesmo tempo em São Paulo. No bairro do Jardim Ângela, por exemplo, ainda houve um outro fator importante: a mobilização social ajudou a mudar realidade de um bairro que há dez anos era um dos mais violentos da cidade. A dona de casa Maria de Lourdes dos Santos mora no bairro há 40 anos e confirma. “Hoje está muito melhor, hoje é outra coisa”.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmi, comentou a redução dos homicídios no estado. "Polícia na rua, polícia comunitária perto da população, trabalho social envolvendo organizações não-governamentais, sociedade civil, desarmamento e investigação trazem resultados".

No entanto, o comerciante, José Lopes da Silva, ainda não se sente seguro. “Frequento de ponta a ponta a periferia de São Paulo jogando bola com meus filhos, meus netos e mesmo assim não é seguro", afirma.

O professor concorda. “Tem que diminuir muito os crimes contra o patrimônio: o roubo, o furto, porque nós ainda estamos começando a caminhada para isso aí”, avalia Mingardi .

G1

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Presos brasileiros que matavam para a máfia japonesa

06-10-2011.145502_tatuagem-yakuza-preso-mogi-das-cruzes-20111006-size-598.jpg

Contratados pela Yakuza, Cristiano Ito e Marcelo Fukuda foram localizados em cidades do interior de São Paulo. Ambos estavam foragidos havia dez anos

A Polícia Federal prendeu dois homens acusados de assassinato em Tóquio, a mando da Yakuza, a temida máfia japonesa. Eles estavam foragidos havia dez anos. Foram capturados terça-feira por agentes que atuam na Interpol (Polícia Internacional). Cristiano Ito, o Javali, de 35 anos, foi localizado em Mogi das Cruzes; Marcelo Cristian Gomes Fukuda, de 31, em Campinas. Uma tatuagem azulada, marca da Yakuza, segundo a PF, cobre a nuca e parte da cabeça de um dos suspeitos, Javali.

O mandante do crime, informa a polícia do Japão, foi Ikebe Tetsuo, irmão gêmeo de Yoshitaka. Ele contratou a Yakuza, a famosa associação criminosa fundada nos idos de 1.600 e mundialmente conhecida por seus métodos sangrentos. "Adotado pelos avós, ele (Tetsuo) nutria ódio incontido por Yoshitaka desde tenra idade, razão pela qual resolveu assassiná-lo", aponta o relatório oficial. O crime a eles atribuído aconteceu às 2h10 de 4 de junho de 2001. A acusação diz que eles mataram a tiros de pistola o comerciante Yoshitaka Kawakami e tentaram eliminar a mulher dele, Naomi Kawakami, asfixiada e espancada na cabeça com a coronha de uma arma. As vítimas dormiam no andar térreo de sua residência quando os assassinos entraram. O assassinato chocou o Japão pela violência dos matadores.

Os dois acusados são cidadãos brasileiros, descendentes de japoneses. Cada um teria recebido 3 milhões de ienes, ou cerca de R$ 71 mil. A PF prendeu Javali e Marcelo Fukuda amparada em ordem do 5.º Tribunal do Júri da Capital. A operação foi conduzida pelo delegado Marcelo Sabadin e por um grupo de agentes da Interpol/SP.

A polícia de Tóquio individualizou a participação de cada um no crime – Marcelo Fukuda fez os disparos contra Yoshitaka Kawakami. Javali agrediu a mulher. A polícia japonesa formou "volumoso expediente" sobre o assassinato e concluiu que a Yakuza "procurou terceiros" para a execução e a eles repassou instruções para a empreitada.

Da Redação com AE

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

DEU NO G1:Assalto aos Correios de S. S. do Umbuzeiro-PB

Uma agência dos Correios e um posto de atendimento bancário foram assaltados em cidades do Sertão e do Cariri paraibano na tarde da quarta-feira (5). Segundo a Polícia Militar, os assaltantes conhecem bem a rotina dos municípios e suas rotas de fuga. O primeiro caso foi registrado em Nazarezinho, no Sertão, e teve como alvo um posto do banco Bradesco, que havia acabado de ser abastecida por um carro forte.

De acordo com o 14º Batalhão da Polícia Militar, os criminosos agiram à luz do dia, às 15h30. O gerente da agência informou que dois homens entraram armados, o amarraram e fugiram com o dinheiro que estava no cofre. O carro usado na fuga foi abandonado na cidade de Aparecida, ainda no Alto Sertão.

Já em São Sebastião do Umbuzeiro, no Cariri paraibano, um homem rendeu o único funcionário dos Correios com uma pistola e fugiu levando todo o dinheiro do caixa.

Nenhum suspeito de envolvimento nos dois casos foi preso. Os casos foram encaminhados para as delegacias de Polícia Civil das cidades.

Fonte: G1
images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Greve dos bancários é a maior dos últimos 20 anos, diz Contraf

A greve nacional dos bancários, que teve início no dia 27 de setembro, chegou a 8.556 agências de bancos públicos e privados nesta quarta-feira (5), de acordo com balanço da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT). O número corresponde a 42,62% do total de estabelecimentos existentes no país.

Segundo a confederação, esta é a greve mais forte dos últimos 20 anos, superando o pico da paralisação de 2010, quando os trabalhadores fecharam 8.278 unidades em todo país.

Em nota, o presidente da Contraf-CUT e coordenador do Comando Nacional dos Bancários, Carlos Cordeiro, diz que “a força da greve é fruto da insatisfação cada vez maior dos bancários com o silêncio da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), que se mantém intransigente e não retoma o processo de negociações”.

"Que os bancos não se enganem: a greve continuará crescendo ainda mais se eles teimarem em não dialogar e fazer uma proposta decente, que atenda às justas reivindicações dos bancários”, diz.

Segundo a Contraf-CUT, a entidade não recebeu até o momento resposta para carta enviada na terça-feira (4) à Fenaban. “Cobramos responsabilidade e coerência dos bancos, que prometem disposição para dar continuidade às negociações, mas não retomam o diálogo com as entidades sindicais. Enquanto eles não saírem da sua inércia, os bancários irão ampliar e fortalecer ainda mais a greve em todo país”, afirma Cordeiro.

Reivindicações

Os bancários entraram em greve por tempo indeterminado, após a quinta rodada de negociações com a Fenaban, ocorrida no dia 23. A proposta patronal contemplava reajuste de 8% sobre os salários, o que representa aumento real de 0,56%, segundo a Contraf. A reivindicação da categoria é de 12,8% de reajuste, sendo 5% de aumento real.

Os bancários pedem, ainda, valorização do piso, maior Participação nos Lucros e Resultados (PLR), mais contratações, fim da rotatividade, melhoria do atendimento aos clientes, fim das metas abusivas e do assédio moral, mais segurança e igualdade de oportunidades.

Fonte: G1
images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Polícia flagra idosa de 71 anos em ato sexual com desconhecido em carro nos EUA

005.jpg
Uma mulher de 71 anos foi presa com um companheiro, de 54, após os dois serem flagrados fazendo sexo dentro de um carro em um estacionamento de um shopping center em Farmington, no estado americano de Michigan.

De acordo com o registro policial mostrado no site The Smoking Gun, ao ser questionado por um policial sobre o que eles estavam fazendo, o homem foi direto: "estou transando com esta garota". O caso inusitado ocorreu no começo de setembro mas só foi noticiado nesta quarta-feira (5).

O texto policial também detalha que a idosa, Rita Daniels, foi encontrada sobre seu companheiro, Tim Adams, ambos nus no banco de trás, enquanto o carro "balançava levemente" com as janelas turvas devido ao calor no interior.

Uma investigação posterior descobriu que o casal se conheceu em um bar próximo ao local pouco antes de irem para o veículo. Abordados pela polícia, eles estavam cheirando a bebidas alcoólicas, e nenhum dos dois sabia o nome do outro. Um teste de bafômetro comprovou a embriaguez.

O casal foi preso por atentado ao pudor e por causarem desordem, e ficaram em um presídio local até que os efeitos do álcool passaram. Antes disso, no entanto, os policiais notaram que Tim Adams se despiu e ficou só de cuecas em sua cela.

Fonte: G1

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Produtor baiano compra notebook pela internet e recebe dois tijolos

004.jpg
O produtor baiano Maurício Gomes teve uma surpresa ao receber um produto comprado pela internet. A mercadoria foi entregue na portaria do condomínio onde ele mora na terça-feira (4), em Salvador. Ele conta que há menos de uma semana comprou um notebook em um site e recebeu no lugar do computador dois tijolos em uma caixa que não estava lacrada. "Achei que fosse uma pegadinha, comprei um notebook e recebi material de construção. Fiz o pedido na última quinta-feira [dia 29] e estava acompanhando a compra pela internet. Era para chegar até o dia 17, achei rápido demais", observa.

Segundo o produtor, o saco plástico que envolvia a caixa do notebook parecia estar fechado, mas na verdade já havia sido aberto e o lacre da caixa estava violado. Maurício relata que já comprou no mesmo site outras vezes e não teve problemas antes. Os dois tijolos entregues no lugar do notebook custaram R$ 1.400, pagos no cartão de crédito. O produtor conta que está tentando cancelar a compra com a administradora do cartão. Maurício já entrou em contato com a loja, que, segundo ele, informou que irá apurar o ocorrido e lhe dará um retorno em até quatro dias. "Acho que o problema foi causado no transporte. O pacote veio em nome da loja, mas não tem nota fiscal, nada, só o manual que seria do computador", conta.

Maurício foi até a 16ª Delegacia, que fica no bairro da Pituba, em Salvador, e à Delegacia de Furtos e Roubos, na Baixa do Fiscal, para registrar uma queixa, mas a polícia disse que ele não podia registrar um Boletim de Ocorrência (BO), por se tratar de um crime de internet. Ele foi orientado a procurar o Procon.

De acordo com Daniela Neves, coordenadora dos postos de atendimento do Procon-BA, o caso de Maurício é o primeiro relato que ela tem de situações semelhantes no estado. A maioria das reclamações feitas em relação a compras na internet, informa a coordenadora, é sobre o não recebimento de produtos ou o atraso na entrega da mercadoria.

Segundo Daniela, em casos como o do produtor baiano, o consumidor deve registrar uma reclamação no Procon e também no Juizado de Defesa do Consumidor. “O ideal é que o consumidor junte toda a documentação da compra, guarde a embalagem e abra uma reclamação no Procon e no Juizado”, explica.

A coordenadora de atendimento do Procon-BA esclarece que o registro nos dois órgãos pode garantir ao consumidor que o produto extraviado seja entregue. “O Procon não tem o poder de obrigar o fornecedor a entregar o produto. Nossa função é dar uma punição, que em situações como essa pode ser uma multa de até R$ 3 milhões, dependendo do caso. No Juizado, o juiz vai determinar o cumprimento da decisão dele, que pode ser a entrega da mercadoria”, completa.

Fonte: G1-BA
images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro

Mulheres são sequestradas e assaltadas em frente de casa na Capital

Duas jovens foram sequestradas e assaltadas na madrugada desta quinta-feira (6), no bairro Castelo Branco, em João Pessoa.

Entrevista ao repórter

Entrevista ao repórter da TV Correio

Elas disseram que foram rendidas por dois assaltantes no momento em que conversando em frente da residência de uma das vítimas.

Conforme detalhes das mulheres ao repórter Josenildo Gonçalves, TV Correio, os seqüestradores colocaram as duas no banco traseiro do veículo e percorreram vários bairros de João Pessoa. Os bandidos ameaçam as jovens de morte, caso elas não entregasse dinheiro a eles.

Depois de duas horas no poder dos criminosos, as vítimas foram abandonadas em uma das avenidas do bairro da Torre.

As mulheres disseram que passaram momentos de terror nas mãos da dupla. Eles levaram uma quantia em dinheiro, celulares e o carro de uma das jovens.

A polícia foi acionada realizou rondas pela região, mas ninguém foi preso.

Hyldo Pereira

images?q=tbn:ANd9GcRpNUetNstJAGm2AM5Bhz85_MFZAhF0MXwz9aTNvCeetUBNwYJ2Siga-nos no Twitter Follow @joaoesocorro