Mentor de grupo que cometeu atentados na Espanha vive no Brasil

alxmundo bar el parnasillo madrid espanha ataque 20160612 01original 300x250e
Um espanhol apontado como mentor de um grupo de extrema direita que realizou atentados sangrentos no fim dos anos 1970 vive no Brasil, para onde fugiu quando seria processado por assassinato.

O jornal El País, que divulgou o caso neste domingo, localizou e entrevistou o homem. “Sim. São os primeiros a chegar. Como me localizaram?”, perguntou José de las Heras Hurtado, de 72 anos, ao confirmar sua identidade ao jornal. Atualmente, ele vive no Guarujá, em São Paulo, onde administra um modesto restaurante. Deixando para trás a mulher e dois filhos, o advogado fugiu da Espanha em 1984, quando começava seu julgamento pelo atentado contra um bar de Madri, em 1979. O episódio deixou um morto e uma dezena de feridos na época da transição do país para a democracia.

As autoridades apontavam Hurtado como líder do grupo Frente da Juventude, ao qual são atribuídos esse e outros atentados, que, no total, causaram três mortes. Apesar de ter sido detido em 1981 com outros membros da organização, o homem afirmou que não conheceu as pessoas que cometeram os ataques e que deixou a Espanha porque não teria um julgamento justo.

Fonte: Com informações da Veja e EFE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s